Duas Estradas – Engenhos, História e Devoção

DE 28 A 30 DE SETEMBRO

DUAS ESTRADAS

Engenhos, História e Devoção

Conheça Duas Estradas

Duas Estradas, município no estado da Paraíba (Brasil), localizado na microrregião de Guarabira. De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), no ano de 2010 sua população era estimada em 3.640 habitantes. Área territorial de 26 km².

O industrial Antonio José da Costa é considerado o fundador de Duas Estradas, em 1903 e por isso foi chamada anteriormente de Vila Costa. A denominação atual originou-se do cruzamento das duas estradas no local, a ferroviária e a rodoviária. Na propriedade do senhor Antônio José da Costa existia um beneficiamento de algodão que empregava dezenas de pessoas. Ao redor da fábrica foram construídas muitas casas para abrigarem os funcionários e daí formou-se o núcleo habitacional. Em 1919 foi construída a primeira capela do lugar, dedicada ao Sagrado Coração de Jesus.

Programação
SEXTA-FEIRA, 28/09

07h
Cerimônia de Boas-Vindas ao Raízes do Brejo
Desfile da Banda Marcial Pedro Olegário Nunes
Troca da Bandeira Municipal
Local: Centro Histórico

19h
Abertura oficial do evento
– Apresentação do Projeto Estação da Música (SCFV);
– Execução dos hinos Nacional e Municipal (SCFV);
– Musical Estradas do Desenvolvimento (SCFV);
– Premiação do II Concurso Fotográfico de Duas Estradas;
– Homenagem aos municípios participantes da Rota;
– Entrega da Comenda Antônio Costa
Local: Palco Costa Filho

19h
Feira de Artesanato e Gastronomia
Local: Rua Costa Filho

21h00
Abertura da Exposição Fotográfica #EssaÉaMinhaCidade
Local: Estação Ferroviária

21h
Show acústico com Matheus Aguiar
Local: Palco Costa Filho

SÁBADO, 29/09

07h
De Repente na Feira
Repentista: Sales
Local: Feira livre

09h às 12h
Oficina: Automaquiagem
Ministrante: Adriana Karla
Local: Escola Municipal Maria Dutra

13h
Oficina: Iniciação em Confeitaria
Ministrante: Cristiana Maria Roberto
Local: Centro Cultural Antônio Costa (Casa Azul)

16h
Oficina: Zumba
Ministrante: Raphael Melo
Local: Palco Costa Filho

16h30
Projeto Estação Literária: leitura e música em um belo cenário
Local: Estação Ferroviária

19h
Feira de Artesanato e Gastronomia
Local: Rua Costa Filho

20h
Apresentações Culturais (SCFV):
– Grupo de Capoeira Angola Palmares
– Grupo Flor da Idade
Local: Palco Costa Filho

21h
Show: As Morenas
Local: Palco Costa Filho

00h
Show: Pinto do Acordeon
Local: Palco Costa Filho

DOMINGO, 30/09

09h
Café da Manhã na Estação
Local: Estação Ferroviária

09h
Nos trilhos da cidade: passeio de trenzinho pelas principais ruas
Local: Estação Ferroviária

10h às 12h
Visita à Cachaça Serra Limpa
Local: Engenho Imaculada Conceição

12h as 15h30
Feijoada da Alegre
Show: Os Barbosas
Local: Engenho Bom Jesus

16h
Pôr-do-sol do Cruzeiro
Show: Tony Souza Acústico
Participação: Fátima Lima

19h
Missa Dominical com a participação do Coral Municipal
Local: Igreja do Sagrado Coração de Jesus

20h30
Grupo de dança Garajaus da Serra (Serraria)
Local: Adro da Igreja do Sagrado Coração de Jesus

Churrascaria Nascer do Sol
Telefone: 99342-4241
Rua Bom Jesus, 417
Horário de Funcionamento: 07h00 as 22h00

Lanchonete O Pastelão
Telefone: 99314-3079
Rua José Felipe, 259
Horário de Funcionamento: 15h00 as 22h00

Lanchonete Brilho de Deus
Telefone: 99192-1231
Rua José Felipe (Mercado público)
Horário de Funcionamento: 15h00 as 22h00

Tapiocaria Sabor da Tapioca
Telefone: 99154-6062
Avenida Severino Simão Pessoa, 06
Horário de Funcionamento: 17h00 as 22h00

Restaurante da Luzia
Telefone: 99164-8150
Mercado Público
Horário de Funcionamento: 08h00 as 22h00

Lanchonete do Zal
Telefone: 99174-2419
Rua José Felipe
Horário de Funcionamento: 18h00 as 22h00

Nelore Grill Churrascaria
Telefone: 99329-0023
Rua Bom Jesus,
Horário de Funcionamento: 11h00 as 14h00 e 18h00 as 22h00

Pousada Aconchego
Telefone: 99373-3393
PB 085 (saída para Lagoa de Dentro)

Pousada Nascer do Sol
Telefone: 99342-4241
Rua Bom Jesus, 417

ESTAÇÃO FERROVIÁRIA

Construída pela Great Western of Brazil, a Estação Ferroviária e o Armazém da Companhia* foram inaugurados no dia 01 de janeiro de 1904, tendo a primeira viagem de trem acontecido às 14 horas deste dia. O prédio da estação,  atualmente se encontra em processo de restauração.

* Como ficou popularmente conhecido o local que servia para guardar as ferramentas de manutenção dos trilhos.


CRUZEIRO SÃO FRANCISCO

Localizado no ponto mais alto do município, mais precisamente a 144m de altitude, foi construído em fevereiro de 1932 por Francisco José da Costa, mais conhecido como “Coronel Costinha”.

A inauguração do Cruzeiro foi realizada com uma grande festa que se tornou tradicional no vilarejo, naquela época.

Poucos anos depois, faleceu Francisco Costa Filho, conhecido como “Chiquinho”, filho do coronel Costinha e como não havia cemitério na Vila Costa, ele foi sepultado no Cruzeiro, a partir desse acontecimento não houve mais festa no local.


IGREJA SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

No ano de 1919, o Coronel Costinha, com recursos próprios, iniciou a construção da Igreja, investindo o valor de 6 (seis) contos de réis. O nome do padroeiro foi escolhido pela esposa do Coronel, senhora Júlia Costa, que era muito devota do Sagrado Coração de Jesus. A primeira missa foi celebrada pelo padre Aprígio Espínola, que para admiração e alegria de muitos, celebrou a missa em latim.


CASA BRANCA (Casarão)

Construído em 1920, este casarão foi a primeira residência do fundador de Duas Estradas, o industrial Antonio José da Costa. É considerada a mais antiga residência do município.

 

 


CASA AZUL

Pertencia a Alberto de Carvalho Costa, político bastante influente na região e um dos filhos do fundador da Vila Costa.

Recentemente reformado e transformado em Centro Cultural.


ENGENHO CACHAÇA SERRA LIMPA

Considerada a 5ª melhor cachaça do Brasil em pesquisa realizada pelas revistas Veja e Playboy, a única cachaça paraibana a receber o selo de qualidade do Instituto Biodinâmico (IBD), campeã do prêmio Top of Mind (mais lembrada pelos paraibanos) por 12 anos seguidos (2001-2013).


ENGENHO CACHAÇA ALEGRE

 

 

 

 

 

 


MAUSOLÉU DA FAMÍLIA COSTA

Na Vila não havia cemitério e em 1922, Firmino José da Costa, que era paralítico e muito doente, descendente do antigo proprietário, comprou na cidade do Recife e para ser montado  um mausoléu na sua fazenda que deveria receber seu corpo quando falecesse.

Firmino que se mudara com a família para residir em Nova Cruz-RN tempos depois, faleceu naquela cidade e lá foi sepultado.

Contam os moradores mais antigos que neste local eram enterrados os corpos e crianças pagãs.

CONTATOS

Flávia Rocha
Telefone: (83) 99193-5939
E-mail: frochas762@gmail.com

Ramessés Henrique
Telefone: (83) 99322-2550
E-mail: ramesses_henrique@hotmail.com